segunda-feira, 28 de maio de 2018

T-Bone Walker

(Linden, Texas, 28 de maio de 1910)


Quem pensa que o som do blues moderno foi criado por Mike Bloomfield e Paul Butterfield na década de 1960 ou por John Mayall e Eric Clapton é porque nunca ouviu T-Bone Walker, o real criador. O primeiro músico de blues a usar uma guitarra acústica amplificada, T-Bone Walker é sem dúvida aquele que lançou as bases para o que é conhecido como o moderno blues urbano. Ele foi a ponte entre o jazz e o blues e criou um estilo que influenciou todo guitarrista desde então. A influência de Walker ultrapassou a sua música. Ele foi o herói de infância de Jimi Hendrix que procurou de alguma forma imitá-lo ao longo de sua vida. BB King também afirmou que T-Bone Walker foi sua principal influência. Seus riffs também ecoaram em Freddie King, Chuck Berry e Jimmy Rogers. 

T-Bone mudou o mundo do blues, pioneiro da guitarra elétrica a popularizou levando-a ao jazz, ao swing, ao doo-wop, um estilo vocal baseado no rhythm and blues, e foi também de grande importância na construção do soul e do rock’n’roll. Nenhuma quantidade de elogios pode transmitir plenamente a importância monumental do que T-Bone Walker deu ao blues e a sua influência em muitos guitarristas. T-Bone Walker era um artista completo, igualmente hábil em tocar a sua guitarra como em cantar e dançar. Em algumas de suas fotos percebe-se em quem Elvis, Chuck Berry e outros, se inspiraram nos movimentos. 

T-Bone Walker era um artista completo, igualmente hábil em tocar a sua guitarra como em cantar e dançar. Muitas vezes imitado, mas jamais repetido, T-Bone Walker foi verdadeiramente a fonte original. Nem tão pouco foi Hendrix que inventou a teatralidade no modo de tocar a guitarra. Muitas vezes imitado, T-Bone Walker tocava a guitarra de uma maneira muito especial e é como guitarrista de blues que lembramos dele, mas a sua voz suave, era tão elegante quanto o som de sua guitarra. T-Bone foi um músico que escreveu suas próprias partituras, e a sua canção mais conhecida, ‘Call It Stormy Monday’ descoberta por quase todos os músicos de jazz e de blues, assim como por quase todas as bandas de rock dos anos 70. 

Do álbum 'T-Bone Blues' (1959)

Guitarra, Vocal – T-Bone Walker
Piano – Lloyd Glenn
Sax Tenor  – Plas Johnson 
Baixo – Billy Hadnott 
Bateria – Earl Palmer 

T-Bone Walker - Why not




T-Bone Walker acompanhado pelos gênios do jazz: Dizzy Gillespie, Teddy Wilson, Louis Bellson, Clark Terry, Coleman Hawkins, Zoot Sims, Jimmy Moody, Benny Carter e Bob Cranshaw no programa 'Jazz At The Philharmonic', da BBC TV, 1966. 

T-Bone Walker - Woman, You Must Be Crazy / Goin' To Chicago Blues

Nenhum comentário:

Postar um comentário