sexta-feira, 6 de abril de 2018

Charlie Rouse

(Washington, 6 de Abril de 1924)


Charlie Rouse fez parte do quarteto de Thelonious Monk e era um ingrediente importante na música do pianista. Rouse sempre foi um saxofonista moderno e trabalhou com a orquestra de Billy Eckstine e na primeira big band de Dizzy Gillespie, e depois tocou em vários grupos importantes, incluindo a orquestra de Duke Ellington, o octeto de Count Basie, em sessões com o trompetista Clifford Brown, e com o sexteto do baixista Oscar Pettiford. E juntou-se então com Monk e na sombra de Monk ficou por mais de uma década. O som único de Charlie Rouse começou finalmente a ter algum reconhecimento na década de 1980. Participou do álbum 'Carmen Sings Monk' de Carmen McRae, seu último álbum, uma homenagem a Monk.


Na Polônia, 1966

Charlie Rouse - sax tenor
Thelonious Monk - piano
Larry Gales - baixo
Ben Riley - bateria

Charlie Rouse & Thelonious Monk - Round Midnight


Do álbum 'Yeah' (1961)

Charlie Rouse - Tenor Sax
Billy Gardner - Piano
Peck Morrison - Bass
Dave Bailey - Drums

Charlie Rouse - Stella by Starlight

Nenhum comentário:

Postar um comentário