terça-feira, 13 de março de 2018

Roy Haynes

(Boston, Massachusetts, 13 de março de 1925)


Roy Haynes tem sido um grande baterista desde a década de 1940. Um baterista veterano ofuscado por outros, que em constante evolução, finalmente teve reconhecimento por seu talento e versatilidade. sendo a escolha de Lester Young, John Coltrane e Chick Corea. Tocou em big bands; com Lester Young; foi membro do quinteto de Charlie Parker e também gravou durante esta época com Bud Powell e Stan Getz; visitou o mundo com Sarah Vaughan e tocou com Thelonious Monk. Liderou seu próprio grupo e foi substituto ocasional de Elvin Jones no clássico quarteto de John Coltrane. Quando se considera que ele também atuou com Miles Davis e Dizzy Gillespie, é justo dizer que Haynes tocou com todos. 

Do álbum 'We Three' (1958)

Roy Haynes - bateria
Phineas Newborn, Jr - piano
Paul Chambers - baixo

Roy Haynes - Reflection



Do álbum, 'The Roy Haynes Trio featuring Danilo Perez & John Pattitucci' (2000)

Roy Haynes - bateria

Danilo Perez - piano
John Patitucci - baixo

Roy Haynes - Solar




Roy Haynes prestou homenagem a Charlie Parker em 2001 com o álbum 'Birds of a Feather' que foi posteriormente indicado para um Grammy em 2002.

Roy Haynes - bateria
Roy Hargrove - trompete
Kenny Garrett - sax alto
David Kikoski - piano
Dave Holland - baixo

Roy Haynes - My Heart Belongs To Daddy



Aos 80 anos, ágil, ativo e em parceria com um elenco estelar de músicos, Roy Haynes gravou o álbum 'Love Letters', uma verdadeira festa para os sentidos. Em 'Afro Blue' a experiência é fascinante e Roy Haynes, como sempre, é absoluto.


Do álbum 'Love Letters' (2005)
Roy Haynes - bateria
John Scofield - guitarra
Dave Holland - baixo

Roy Haynes - Afro Blue

Nenhum comentário:

Postar um comentário