domingo, 11 de março de 2018

Bobby McFerrin

(New York, 11 de Março de 1950)



Mestre da improvisação vocal, Bobby McFerrin é um dos cantores mais originais da música contemporânea, igualmente adepto das configurações de jazz, pop e clássicas. Filho de cantores de ópera foi treinado para ser pianista, tocou com uma série de bandas de covers, mas em 1977 ele se decidiu pelo canto. Uma apresentação no Kool Jazz Festival o levou a um contrato com uma gravadora. Com o álbum 'The Voice' de 1984, ele fez história no jazz, gravando o primeiro álbum vocal solo sem acompanhamento ou overdub, técnica de gravação que consiste em adicionar novos sons a uma gravação já anteriormente realizada. É muito conhecido pela sua enorme extensão vocal e pela sua habilidade de usar a voz para criar efeitos diversos, incluindo percussão vocal, como sua recriação de um baixo e bateria simultaneamente, o que ele consegue cantando ao bater em seu peito. Gravou vários clássicos do jazz e da música erudita, além de outros gêneros e trabalhou também com instrumentistas como Chick Corea, Herbie Hancock, Joe Zawinul, Richard Bona e Yo-Yo Ma.

No filme ‘Round Midnight', toda a beleza que focaliza o jazz daquela época ficou nas mãos de um verdadeiro conhecedor do jazz e um de seus melhores músicos: o pianista Herbie Hancock que chamou a nata do jazz para uma trilha sonora de tirar o fôlego. O resultado é uma música hipnótica, fluida, lenta e perfeita. O disco abre com uma versão de 'Round Midnight', em que o trio Herbie Hancock, Tony Williams e Ron Carter é coadjuvante de um solo de trumpete feito com as cordas vocais por Bobby McFerrin.

Grammy 1987

Piano – Herbie Hancock 
Vocal – Bobby McFerrin
Baixo - Ron Carter 
Bateria - Tony Williams

Bobby McFerrin - Round Midnight 

Nenhum comentário:

Postar um comentário