segunda-feira, 2 de abril de 2018

Marvin Gaye

(Washington, 2 de abril de 1939)


Marvin Gaye dedicou sua vida à música, e seu forte eram baladas românticas cheias de alma, ganhando assim, fama internacional durante os anos 60 e 70. Apesar de ter sido um artista genial e bem-sucedido profissionalmente, nunca teve grandes alegrias no lado pessoal. Gaye utilizava-se dos fracassos nos relacionamentos e os acontecimentos de sua vida pessoal como à espinha dorsal para algumas de suas melhores músicas. Usando um microscópio penetrante para examinar as causas dos seus fracassos no casamento, Marvin gravou músicas perturbadoras e emotivamente turbulentas de grande beleza musical. Entretanto a maior contribuição musical de Marvin está no álbum 'What's Going On', produzido em 1971, que focalizava as mudanças da natureza, a Guerra do Vietnã e o estilo de vida urbano da América. Ele conseguiu unir o som mais romântico e elegante às letras mais políticas e sexuais do rhythm and blues. Foi um dos primeiros álbuns de rhythm and blues conceitual. Foi também um álbum que ajudou a fixar o rap. Marvin Gaye já era o principal artista da famosa gravadora Motown quando, infelizmente, um fato trágico fez o cantor se calar. No dia 1º de abril de 1984, véspera de seu aniversário, quando completaria 45 anos, Marvin Gaye foi assassinado pelo próprio pai, após um desentendimento familiar por questões religiosas. 

Do álbum 'The Soulful Moods of Marvin Gaye' (1961)

Marvin Gaye - (I'm Afraid) the Masquerade is Over 

Nenhum comentário:

Postar um comentário